Fidelidade na Religião Afro-Brasileira

Toda religião instituída preconiza temor e respeito ao divino, e principalmente fidelidade. Prova disso é que na maioria das religiões que conhecemos um crente procura fazer novos crentes e luta fervorosamente para o crescimento a evolução e a prosperidade do templo e do grupo, observando sempre regras comportamentais de condutas que elevam e estimulam o bom nome da religião. Fidelidade é a propriedade que consiste em manter ou preservar as características originais sem jamais, em qualquer estágio da vida, aceitar modificações. Temos a satisfação de viver num momento de grande…

Compartilhe isso
Read More

O dinheiro compra fundamentos?

  Talvez os mais velhos me entendam… Não sinta-se inferior por sua entidade bicar um dedo de pinga enquanto o do outro empina a garrafa, não sinta-se inferior nem ridicularizado quando sua entidade não pode usar um chapéu por ser recém chegado, enquanto você pensa ” mas todo mundo usa “. Não deixe que lhe fuja a verdade, não seja mais um decaído entre tantos pais de santo famosíssimos que prostituíram seu axé por ganância. É triste povo, mas uma triste realidade, com o passar do tempo, um pai de…

Compartilhe isso
Read More

A Ética nas Religiões Brasileiras

Temos que ter muito claro que para falarmos de ética dentro de uma determinada religião o primeiro impulso que devemos ter é de fazermos uma separação entre o que se entende por bem e mal. Ao falarmos da religião de Umbanda e das religiões Afro-brasileiras ou afro-descendentes como preferem alguns, não podemos nos envolver com conceitos cristãos de pecado, haja visto não fazer parte de nosso universo religioso. Estas religiões, desde que existem, têm normas que lhes norteiam mas que nem sempre são do conhecimento e observância de seus sacerdotes,…

Compartilhe isso
Read More

O VALOR DO AXÉ

Tenho visto nos últimos dias vários debates sobre o dito valor do axé, traduzindo em palavras simples o quanto um babalorixá/iyalorixa de batuque deve cobrar para se fazer algo dentro do culto…. Vejo argumentos de ambos os lado dos que defendem a cobrança e dos que defendem a gratuidade dos serviços prestados (ou como alguns chamam “caridade”), porem vivemos em uma sociedade monetária onde quase não existe escambo (no qual era possível trocar  um produto ou serviço por outro) e é um fato que um ilê (casa de axé) não…

Compartilhe isso
Read More

CONDUTA DE VISITAÇÃO

Caros irmãos e irmãs o que nos faz sair em uma noite muito fria ou extremamente quente, e ir a um batuque? Vocês já se perguntaram qual a razão? Até onde tenho conhecimento é para reverenciar nossos amados orixás e compartilhar da felicidade dos irmãos de fé em obrigação. Entretanto, o que vemos hoje em dia? Infelizmente, vemos o sagrado posto de lado e a falta de respeito com a casa e o anfitrião. De que modo vemos esse desrespeito se materializar? Para começar nas rodinhas que se formam no…

Compartilhe isso
Read More